14 de ago de 2013
0 comentários

Plataforma de vídeos MixBit aposta na praticidade e colaboração


MixBit


Tirando proveito da própria ferramenta, gravei um vídeo com parte do conteúdo deste post. Ao terminar de assistir, pule para o subtítulo. Para quem prefere o texto, abaixo a transcrição na íntegra do conteúdo.





Lançada pelos mesmos criadores do Youtube, o MixBit é uma ferramenta para produzir e publicar vídeos usando dispositivos móveis e web. O aplicativo é capaz de gravar tomadas de até 16 segundos e combiná-las em sequências com até 1 hora de duração.  Também é possível salvar vídeos de outros usuários e criar novas obras a partir deles.

O MixBit segue a tendência de outros apps como Vine e Instagram, que permitem a publicação de vídeos de até 6 e 15 segundos, respectivamente. Mas seus diferenciais estão nos recurso de edição e mixagem das sequências e no teor colaborativo da ferramenta.

Para assistir e publicar vídeos no MixBit não é necessário cadastro, no entanto, usuários sem registro não conseguem gerenciar seus envios e nem salvar conteúdo de outras pessoas.

Criar uma sequência de clipes é muito simples, tanto na web quanto no mobile. Todo o processo de gravação ou importação de mídia e edição exige pouco esforço do usuário, economizando gás para a criatividade.

Os vídeos postados na plataforma podem ser compartilhados nas redes sociais e incorporados em sites e blogs, o que amplia o alcance do conteúdo.

O aplicativo móvel do MixBit está disponível gratuitamente para iPhone, iPad e iPod Touch. A versão para dispositivos Android será lançada em breve, de acordo com o desenvolvedor. Na web acessamos a ferramenta no endereço mixbit.com.

Praticidade e colaboração


A facilidade para produzir e publicar vídeos com o MixBit inspira até os menos experientes a deixar sua marca online. A possibilidade de misturar clipes de outras pessoas para criar seu próprio produto também abre portas à criatividade. E ao jornalismo participativo.

Não é difícil visualizar a cobertura de eventos mixando o material de diversas pessoas. No mesmo embalo, campanhas incentivando o público a produzir material e por ai vai.

O MixBit tem um esquema de hashtags semelhante ao do Twitter, Instagram, Vine e outros. As tags ainda não funcionam como parâmetro de busca, e nem mesmo há um buscador no serviço. Mas a expectativa é que num futuro bem próximo esses recursos estejam presentes, potencializando a construção colaborativa de conteúdo.


Sobre o Autor:
Guilherme Ludwig é o criador da Coluna Digital. Jornalista, encara a profissão como um estilo de vida. Seu objetivo é trabalhar com jornalismo digital focado na área de Tecnologia. Google+ - Twitter - Facebook - Site

0 comentários :

Postar um comentário

 
Toggle Footer
Top